FANDOM



Amira é a esposa de Sami. Ela acreditava que foi torturada por Sayid quando ele trabalhava pela Guarda Republicana do Iraque. Quando vivia em Paris com seu marido, ela viu Sayid e o reconheceu como seu interrogador. Sami levou Sayid até sua casa e se recusou a deixá-lo ir até que ele admitisse o que ele havia feito para Amira. Ela falou com Sayid e lhe contou a história de como ela salvou o gato, e como ela sabia como era não se sentir seguro. Depois de Sayid dizer que lembrava de a ter torturado, Amira disse que contaria para o seu marido que se enganou sobre Sayid e deixaria-o ir.


O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-NC-ND salvo indicação em contrário.